Proposta de tirar Ensino Superior do MEC gera dúvidas entre especialistas

Entre as novidades e planos já anunciados pelo presidente eleito Jair Bolsonaro, está o de transferir para o Ministério de Ciência e Tecnologia a gestão do Ensino Superior do país, hoje sob os cuidados do Ministério da Educação. A iniciativa não é nova, é discutida desde o governo de Itamar Franco, e tem a justificativa de aumentar os investimentos na educação básica e dinamizar a produção científica no país. Para analisar se a proposta teria efetividade e as possíveis consequências para a educação, recebemos o professor da Unesp em Bauru Vitor Machado.